ptafarzh-TWnlentlfrdehihuiditjakomsplruessvthvi

JAPAN FLAGCHINA FLAG

Vacina contra  Covid19   poderá  matar mais que o próprio  vírus  ?

Vacina contra  Covid19   poderá  matar mais que o próprio  vírus  ?

 

( Sonhos não são predestinações ) 

 

                           -  O direito  de tomar  ou não  a vacina  é individual , portanto, obrigá-la  é  ferir  a liberdade  de seus  direitos  individuais . O conjunto institucionalizado de direitos e garantias do ser humano que tem por finalidade básica o respeito, a sua dignidade, por meio de sua proteção contra o arbítrio do poder estatal e o estabelecimento de condições mínimas de vida e desenvolvimento da personalidade humana. Só  poderemos obrigar  alguém a tomar a vacina, quando essa tiver suas garantias de comprovação , eficácia   e  da preservação da vida   .  É  o que ainda  não temos  nas vacinas propostas por laboratórios  e   por governantes  mundiais .

" Todas  informações  que são  importantes  e  de interesse Público  são  omitidas , colocadas como  ” falsa ”  , eliminadas  em redes Sociais , pois, existe  uma elite(grupo)  organizada(o)   tentando omitir da população mundial a verdade  e  esses  têm controle  sob a rede Social,  com robôs  programados  para  eliminar  toda informação  contra os conceitos e informações  que se opõe o Covid19 .”   Rasgando  a liberdade  de pensamento  e de expressão  — com  medidas ditatoriais …

A vacina que está a ser testada nas pessoas , podem  existir  níveis  de letalidade sem conhecimento dos próprios  cientistas  e pesquisadores . Com quem  foi testada a primeira e segunda  , fase , não tivemos  nenhuma  informação  concreta  , apenas  falácias de governantes .

Marburg

Quais são as fases necessárias para a produção de uma vacina?

Assim como as vacinas  existentes, o imunizante , antes da pausa dos testes, já estavam  na fase 3, última fase dos testes clínicos .

Fase pré-clínica: esta primeira fase envolve diversos experimentos laboratoriais, em células cultivadas in vitro e também testes em animais. Aproximadamente 90% dos compostos são reprovados nesta fase, não seguindo adiante .

Fase 1: a substância é testada em humanos. Pequenos grupos de 20 a 100 indivíduos são analisados, e verifica-se neste momento a dosagem e os efeitos colaterais. Cerca de 70% dos compostos aprovados na fase 1  .

Fase 2: os testes agora são realizados em grupos de 100 a 300 pessoas. O objetivo agora é verificar a eficácia da futura vacina e os seus possíveis efeitos colaterais.

Fase 3: é a última fase dos testes clínicos, nos quais a vacina é testada em grupos de 300 a 3 mil pessoas. De cada 10 compostos que chegam até esta fase, 7 são reprovados.

Fase 4: com a vacina já em comercialização, ocorre um acompanhamento de grupos de pessoas que receberam doses do composto. Este procedimento visa a verificar se a vacina está atingindo sua eficácia desejada .

 Será  que a  população toda vacinada  vai estar mesmo segura  ?  Não temos testes  ou  comprovação  das vacinas ?   A maioria  dos médicos , pelo menos , até a presente  data, que falam a favor  da vacina  contra o Covid19 , são  funcionários desses  mandatários, pertencem a laboratórios , ou são  da OMS , ou  ligados  diretamente ao Governo Chinês — se o vírus  veio  da China  , como poderemos  confiar  em vacinas  produzidas por eles ?  Eis , a questão !   E  há  uma grande  corrida  sem explicação  concreta  porque tanto interesse  dessa vacina?   Temos no mundo  milhões de mortes por tuberculose,  varíola. Dengue , Câncer ,Ebola ,problemas cardiovasculares, influenza, AVC,  a  Raiva, Cólera   e no mundo a  fome ,pobreza , violência ( assassinatos ) , nunca  tivemos movimentos  como esse  de agora !?  . No momento nenhuma vacina deve ter obrigatória! Se não morrer pelo vírus, pode morrer por se imunizar.

marburg2

Por conta de informações de especialistas em saúde pública, em 1976, o governo dos Estados Unidos concluiu que estava diante do risco de uma pandemia de gripe suína, o H1N1, com poder de matar milhões de americanos. A pressa em resolver a situação levou a uma campanha de vacinação que acabou matando 25 pessoas e deixando 500 outros doentes. Mais tarde, descobriu-se que entre as vítimas suspeitas de gripe suína, só uma havia de fato morrido da gripe.

Portanto,  não podemos  voltar  aos tempos passados e correr o risco  da precipitação , ou da falta  de responsabilidade de alguns  , que nesse momento , os tais  lobistas  da vacinação ( sem generalizar)   , que  estão  pensando  apenas  no lucro  dela .

Não  sou contra  vacinações, no entanto, não  podemos  tirar  números do contexto, comparar  dados de origens diferentes (taxa de mortalidade registada durante a pandemia e percentagem das pessoas que    vão receber a vacina e se tiveram  algum tipo de efeito secundário) e essas informações cruzadas não correspondem à realidade.

A taxa de letalidade global da Covid-19, incluindo o Brasil, é de 0,3% e que cerca de 10% da população mundial foi infetada pela doença. Sendo assim, ainda temos 90% das pessoas suscetíveis ao vírus. Continuou, acrescentando outros dados: — O índice de efeito colateral da vacina chinesa, ou de outra , sem a devido aprofundamento dos testes , ante  de aplica-los  na população  pode ser muito alto , ou seja, quando colocamos essas chances de efeito colateral sobre a porcentagem da população brasileira  e mundial  , que ainda não foi infetada, com certeza, vai morrer gente.

Com isto,  não faz sentido usar uma vacina que cause efeitos secundários em  pessoas quando a taxa de mortalidade do novo Corona vírus à escala global é de 0,3%, um número bastante inferior.

Talvez , segundo as visões  premonitórias , a vacina contra covid-19 mate ou prejudique mais gente do que a própria evolução da doença.

marburg3

Passando para os dados da CoronaVac, que no Brasil está igualmente a ser testada num processo conduzido pelo Instituto Butantan, parceria  com laboratório Chinês  e Governo de São Paulo, segundo várias divulgações , entre os nove mil voluntários, 35% tiveram reações ligeiras, como dor no local da aplicação da vacina, cansaço ou dores de cabeça. Nem podemos saber como foi feito a primeira e segunda fase  na China , ou se tiveram  mortes  —  nenhum  relato  também dos testes  de lá  foram exibidos para a população  no Brasil   e  por outro lado,  não sabemos ,  até agora, se houve mortes decorrentes dos testes, contrariamente ao que sugerem , pode  -se  dizer  também, por alguns  interesses   escusos ( lobistas),  sem generalizar, de  que algum dos voluntários  morreram do Covid19 .  É  tudo  complexo, difícil  de lidar e entender . O pior de tudo, sabemos  com certeza  , quando começarem  a aplicar  tais  vacinas ( cujo  estão muitas delas ,em fase de teste ainda ) haveremos de ter uma multidão , correndo  para conseguir  uma dose da vacina do Covid19  , no sentido,  de  tentar  escapar  do medo, do pânico dos quais  ,vivem atualmente, criado por Sistemas alinhados  e ordenados,   criado  para  dominar  a  população  mundial, ou seja,  o medo de morrer  com o Covid19  .

Apenas que a vacina em testes tem um baixíssimo tempo de observação. E pesquisa — Nenhuma comprovação  se vai ou não funcionar!

Nas, visões  indicam  que  poderá  vitimar mais  pessoas que o próprio  vírus  , fora  ainda , o caos    verdadeiro  que estamos  ainda por enfrentar , entre 2021  a 2022  —  problemas  relacionados  a crise  economia mundial  e  problemas  relacionados ao Covid19 .

Finalmente,  também  apostamos  , que  seja  verdadeiramente a intenção  dos governantes  mundiais -  enquanto  isso, fica a dúvida  no ar …

Você  se  sente preparado para um novo vírus  entre 2025  e  2026?

Lamentamos  por  todas as mortes  de pessoas  inocentes  no mundo .

Deus abençoe  a  todos !

Prof. Jucelino Luz   — orientador  espiritual, pesquisador

 

///////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////

 

Can the Covid19 vaccine kill more than the virus itself?


(Dreams are not predestination)

 

- The right to take the vaccine or not is individual, so to compel it is to harm the freedom of your individual rights. The institutionalized set of rights and guarantees of the human being whose basic purpose is respect, their dignity, through their protection against the discretion of state power and the establishment of minimum living conditions and development of human personality. We can only compel someone to get the vaccine when it has its guarantees of proof, effectiveness, and life preservation. This is what we do not yet have in vaccines proposed by laboratories and world leaders.

"All information that is important and of public interest is omitted, placed as" false ", eliminated in Social networks because there is an organized elite (group) trying to omit the truth from the world population and these have control over the network Social, with robots programmed to eliminate all information against the concepts and information that Covid19 opposes. ” Tearing up the freedom of thought and expression - with dictatorial measures ...
The vaccine being tested on people, there may be levels of lethality without the knowledge of scientists and researchers themselves. With whom the first and second phases were tested, we had no concrete information, only fallacies by government officials.
What are the necessary steps to produce a vaccine?
Like the existing vaccines, the immunizer, before the pause in the tests, was already in phase 3, the last phase of clinical tests.

Pre-clinical phase: this first phase involves several laboratory experiments, in cells cultured in vitro and also tests on animals. Approximately 90% of the compounds fail at this stage, not going forward.

Phase 1: the substance is tested on humans. Small groups of 20 to 100 individuals are analyzed, and the dosage and side effects are verified at this time. About 70% of the compounds approved in phase 1.

Phase 2: the tests are now carried out in groups of 100 to 300 people. The goal now is to verify the effectiveness of the future vaccine and its possible side effects.

Phase 3: it is the last phase of clinical tests, in which the vaccine is tested in groups of 300 to 3 thousand people. Of every 10 compounds that reach this stage, 7 fail.

Phase 4: with the vaccine already on the market, groups of people who received doses of the compound are monitored. This procedure aims to check if the vaccine is reaching its desired effectiveness.

Will the entire vaccinated population really be safe? Do we have tests or proof of vaccines? Most doctors, at least until the present date, who speak in favor of the vaccine against Covid19, are employees of these representatives, belong to laboratories, or are from WHO, or directly linked to the Chinese Government - if the virus came from China, how can we trust vaccines produced by them? That is the question! And there is a big race without a concrete explanation why so much interest in this vaccine? We have millions of deaths worldwide from tuberculosis, smallpox. Dengue, Cancer, Ebola, cardiovascular problems, influenza, stroke, rabies, cholera, and in the world hunger, poverty, violence (murders), have we never had movements like that now? At the moment no vaccine should be mandatory! If you don't die from the virus, you can die from being immunized.
Based on information from public health experts, in 1976, the United States government concluded that it was facing the risk of a swine flu pandemic, H1N1, with the power to kill millions of Americans. The rush to resolve the situation led to a vaccination campaign that ended up killing 25 people and leaving 500 others sick. It was later discovered that among the suspected swine flu victims, only one had actually died of the flu.

Therefore, we cannot go back to the past and run the risk of precipitation, or the lack of responsibility of some, who at that moment, such vaccination lobbyists (without generalizing), who are only thinking about its profit.

I am not against vaccinations, however, we cannot take numbers out of context, compare data from different sources (mortality rate recorded during the pandemic and percentage of people who will receive the vaccine and if they have had any type of side effect) and this cross-information do not correspond to reality.
The global lethality rate for Covid-19, including Brazil, is 0.3% and that about 10% of the world population has been infected by the disease. So, we still have 90% of people susceptible to the virus. He continued, adding other data: - The side effect index of the Chinese vaccine, or another, without the due deepening of the tests, before applying them in the population can be very high, that is, when we place these chances of side effect on the percentage of the Brazilian and world population, which has not yet been infected, will surely die.

With this, it makes no sense to use a vaccine that causes side effects in people when the mortality rate of the new Coronavirus on a global scale is 0.3%, a much lower number.

Perhaps, according to premonitory views, the covid-19 vaccine kills or harms more people than the disease itself.
Moving on to CoronaVac data, which in Brazil is also being tested in a process conducted by the Butantan Institute, in partnership with the Chinese laboratory and the Government of São Paulo, according to various disclosures, among the nine thousand volunteers, 35% had mild reactions, such as pain at the vaccine application site, tiredness or headache. Nor can we know how the first and second phases were carried out in China, or whether there were deaths - no reports of the tests there were also shown to the population in Brazil and, on the other hand, we do not know, until now, if there were deaths resulting from the tests, contrary to what they suggest, it can also be said, by some vested interests (lobbyists), without generalizing, that some of the volunteers died from Covid19. It is all complex, difficult to deal with, and understand. Worst of all, we know for sure, when they start applying such vaccines (many of which are still in the testing phase) we will have a crowd, running to get a dose of Covid19 vaccine, in the sense of trying to escape the fear, of the panic they currently live in, created by aligned and ordered Systems, created to dominate the world population, that is, the fear of dying with Covid19.

Only that the vaccine in tests has a very low observation time. And research - No proof of whether or not it will work!
However, visions indicate that more people may be victimized than the virus itself, in addition to the real chaos that we have yet to face, between 2021 and 2022 - problems related to the world economic crisis and problems related to Covid19.
Finally, we also bet that it is truly the intention of world leaders - in the meantime, doubt remains in the air ...
Do you feel prepared for a new virus between 2025 and 2026?

We are sorry for all the deaths of innocent people in the world.
God bless you all!

Prof. Jucelino Luz - spiritual advisor, researcher