ptafarzh-TWnlentlfrdehihuiditjakomsplruessvthvi

JAPAN FLAGCHINA FLAG

Foguete  Chinês  cairá na  terra  no dia 08 de maio de 2021

Foguete  Chinês  cairá na  terra  no dia 08 de maio de 2021

Um foguete usado pela China para lançar em órbita o módulo principal da primeira estação espacial permanente do país deve voltar à Terra no dia  08  de maio  de  2021,, em um local desconhecido.

A agência espacial da China ainda não disse se a parte central do enorme foguete Long March 5B está sob controle ou fará uma descida descontrolada. Detalhes básicos sobre o foguete e sua trajetória são desconhecidos ainda  porque o governo chinês ainda não comentou publicamente sobre a reentrada.

O comando espacial americano está rastreando a trajetória do foguete. O 18º Esquadrão de Controle Espacial dos EUA fornecerá atualizações diárias sobre sua localização por meio do site Space Track.

A maior parte dos detritos espaciais são queimados na atmosfera. No entanto, o tamanho do foguete, de 22 toneladas, aumentou a preocupação de que alguns de seus pedaços maiores podem retornar à atmosfera e causar danos se atingirem áreas habitadas.

O risco de alguém bater ou se machucar é muito pequeno. Não é desprezível, pode acontecer, mas o risco de bater em você é incrivelmente pequeno, no entanto,  não podemos  descartar – devemos  todos ficar  em alerta,  ou seja,   apontar para onde os destroços podem se dirigir é quase impossível neste ponto devido à velocidade com que o foguete está viajando.

Ainda assim,  o oceano continua a ser a aposta mais segura sobre onde os destroços irão pousar porque ocupa a maior parte da superfície da Terra.

Se você quer apostar onde algo vai pousar na Terra, aposte no Pacífico, porque o Pacífico é a maior parte da Terra. É simples assim , vivemos  num mundo  de mudanças e  de possibilidades , portanto, nada  pode ser descartado.

O foguete Long March 5B carregou o módulo principal de Tianhe, ou Harmonia Celestial, em órbita desde 29 de abril. A China planeja mais 10 lançamentos para transportar partes adicionais da estação espacial.

Destroços descontrolados no espaço .

Um foguete chinês de 18 toneladas que caiu em maio do ano passado foi o entulho mais pesado a cair sem controle na Terra desde a antiga estação espacial soviética Salyut 7 em 1991.

A primeira estação espacial da China, Tiangong-1, caiu no Oceano Pacífico em 2016 depois que Pequim confirmou que havia perdido o controle dela. Em 2019, a agência espacial controlou a demolição de sua segunda estação, Tiangong-2, na atmosfera.

Em março, destroços de um foguete Falcon 9 lançado pela empresa de aeronáutica norte-americana SpaceX caíram na Terra em Washington e na costa do Oregon./AP E EFE

Finalmente,  ainda  objetos que  flutuam  dentro e fora de nossa atmosfera  continuam sendo ameaças  para nosso  planeta  e  também  para  a humanidade .

Prof., Jucelino Luz 

www.jucelinodaluz.com.br

www.jucelinoluz.com

www.jucelinodaluz.fr

www.jucelino.daluz.nom.br

 

//////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////

 

Chinese rocket will fall to earth on May 8, 2021
A rocket used by China to launch the main module of the country's first permanent space station into orbit is due to return to Earth on May 8, 2021, in an unknown location. China's space agency has yet to say whether the core of the huge Long March 5B rocket is under control or will make an uncontrolled descent. Basic details about the rocket and its trajectory are still unknown because the Chinese government has not yet publicly commented on the re-entry. The American space command is tracking the rocket's trajectory. The 18th US Space Control Squadron will provide daily updates on its location through the Space Track website. Most of the space debris is burned in the atmosphere. However, the size of the 22-ton rocket has raised concerns that some of its larger pieces may return to the atmosphere and cause damage if they reach inhabited areas. The risk of someone hitting or getting hurt is very small. It's not negligible, it can happen, but the risk of hitting you is incredibly small, however, we can't rule it out - we should all be on the alert, meaning that pointing to where the debris can go is almost impossible at this point due to the speed the rocket is traveling with. Still, the ocean remains the safest bet on where the debris will land because it occupies most of the Earth's surface. If you want to bet where something will land on Earth, bet on the Pacific, because the Pacific is the largest part of the Earth. It's that simple, we live in a world of changes and possibilities, so nothing can be ruled out. The Long March 5B rocket has carried Tianhe's main module, or Celestial Harmony, in orbit since April 29. China plans 10 more launches to transport additional parts of the space station. Uncontrolled wreckage in space. An 18-ton Chinese rocket that crashed in May last year was the heaviest rubble to fall uncontrolled on Earth since the former Soviet space station Salyut 7 in 1991. China's first space station, Tiangong-1, crashed in the Pacific Ocean in 2016 after Beijing confirmed it had lost control of it. In 2019, the space agency controlled the demolition of its second station, Tiangong-2, in the atmosphere. In March, the wreckage of a Falcon 9 rocket launched by the US aeronautical company SpaceX crashed to Earth in Washington and the Oregon coast. Finally, still objects that float in and out of our atmosphere remain threats to our planet and also to humanity.
Prof., Jucelino Luz - researcher, influencer and spiritual advisor